[ editar artigo]

Escrita espelhada: devemos corrigir?

Escrita espelhada: devemos corrigir?

 

 

Devemos, mas não podemos encarar como erro. Espelhar a letra é um trabalho dos neurônios em resposta aquilo que o cérebro entendeu da imagem, a letra para o cérebro funciona como uma imagem.

Quando a criança não sabe a orientação espacial da escrita da letra na nossa língua, ela não sabe onde a letra começa e onde termina, não sabe que a direção da escrita e da leitura é da esquerda para a direita.

Ao ensinarmos para as crianças onde começa uma letra e onde termina, nós fazemos o cérebro desaprender uma ação neural, existe um neurônio responsável por isso, na verdade esse neurônio está vendo a  letra invertida, precisamos acostumar o cérebro que, por exemplo, a letra “E” não é  o numero “3” e ele que está  vendo invertido, temos que ensinar o cérebro que aquilo que ele está vendo, quando ele escreve é diferente.

 Corrigir os filamentos de letras ensina a orientação espacial, é preciso ensinar que, por exemplo, a letra “E” no tipo bastão desce em linha reta, depois ele vai três vezes na mesma direção e não volta, ele vai ao sentido da sua leitura e escrita, da esquerda para a direita, a criança precisa saber disso, ela precisa treinar esse movimento, precisa criar uma memória desse movimento, quando ela cria a memória desse movimento ela entende como aquela letra é escrita na sua cultura.

 

Alfabetizadores.com
Carla Silva
Carla Silva Seguir

Sou Carla Silva, tenho mais de 20 anos de experiência na educação como professora alfabetizadora, atuando na pré-escola, coordenadora pedagógica, professora no ensino Fundamental I e II, palestrante, assessoria pedagógica de professores e escolas, e

Ler conteúdo completo
Indicados para você